quinta-feira, 19 de novembro de 2015

SITUAÇÃO DE MISÉRIA E VULNERABILIDADE AUMENTOU COM O FECHAMENTO DO LIXÃO DO AURÁ

By: MARINOR BRITO: - 14:28

Share

& Comment


Esta foi a conclusão da Comissão criada pelas vereadoras Marinor Brito (PSOL) e Sandra Batista (PCdoB), que na manhã desta quinta-feira (19), realizou diligência no lixão do Aurá, em Águas Lindas. O objetivo da Comissão foi verificar a situação concreta dos catadores que, em grande parte, ainda permanecem no local a céu aberto, em condições indignas de trabalho. O Dr. Rodrigo Leitão, da Comissão de Meio Ambiente da OAB/PA acompanhou a comissão. 
"Conversamos com pessoas que já estão há mais de 30 anos trabalhando como catador. Pessoas que começaram a trabalhar no lixão aos 12 anos de idade, sobrevivendo do material reciclado no lixo e que em média, arrecadavam cerca de R$ 60 reais/dia. Hoje, segundo um catador de 65 anos que encontramos aqui, não consegue tirar R$ 10 reais/dia. E o que é mais preocupante, é que esse catador não foi inserido em nenhum programa social, como medida mitigadora dos impactos sociais e econômicos causados com o fechamento do lixão. Ele não tem outra fonte de renda, nem perspectiva de inserção no mercado de trabalho", disse Marinor, indignada. 

A psolista disse também que estava ali para denunciar que, por uma resolução nacional que obrigou o fechamento do lixão, não atendeu as prerrogativas legais de dar perspectiva de vida aos que ali estavam e dali sobreviviam. "É uma denúncia grave, e o prefeito Zenaldo Coutinho (PSDB), juntamente com o promotor Raimundo Moraes (MPE), precisam responder o por quê que deixaram os trabalhadores numa situação de vulnerabilidade ainda maior. Pessoas que continuam tentando sobreviver de recursos provenientes do lixo e que estão com menos condições de sobrevivência do que estavam, antes do fechamento. A vulnerabilidade, portanto, é um fator nefasto e real que não possibilita qualquer perspectiva humana de sobrevivência", concluiu. 

A comissão é formada pelos vereadores: Mauro Freitas (PSDC), Meg Parente (PRP), Gleisson Oliveira (PSB), Marinor Brito (PSOL) e Sandra Batista (PCdoB) e tem como finalidade apurar irregularidades nos contratos da Secretaria de Saneamento (Sesan), durante a gestão do prefeito Zenaldo Coutinho (PSDB).

About MARINOR BRITO:

Organic Theme is officially developed by Templatezy Team. We published High quality Blogger Templates with Awesome Design for blogspot lovers.The very first Blogger Templates Company where you will find Responsive Design Templates.

0 comentários:

Copyright © 2015 Marinor Brito

Designed by Templatezy & Copy Blogger Themes