quinta-feira, 16 de abril de 2015

VEREADORA MARINOR PARTICIPA DE ATO DE GREVE EM FRENTE AO TJE

By: MARINOR BRITO: - 14:38

Share

& Comment

A vereadora de Belém e membro da Comissão de Educação da CMB, Marinor Brito (PSOL), participou na manhã desta quinta-feira, 16, de assembleia dos trabalhadores da Educação do Pará, na Escola Cordeiro de Farias e, em seguida, de caminhada ao Tribunal de Justiça do Estado do Pará.

Cerca de dois mil educadores marcharam rumo ao tribunal reivindicando o cumprimento da lei federal, descumprida pelo governador tucano, Simão Jatene, e seu secretário de Educação, Helenílson Pontes, que estabelece o pagamento do piso salarial nacional e também contra a decisão arbitrária do tribunal ao impor uma pesada multa de R$ 100 mil reais em decorrência de cada dia parado.
"É muito duro que este prédio maravilhoso que foi reconstruído com o dinheiro público, e deveria estar abrigando uma escola, tenha ai dentro representantes do tribunal que não estejam em consonância com a luta e a necessidade que os educadores têm de trabalhar com dignidade. Esta categoria não está no sol, não está em greve, porque gosta de passear na rua, gastando sola de sapato, pegando chuva como já pegamos, mas porque está lutando por seus direitos, lutando pela valorização da educação pública neste estado. O Tribunal de Justiça do Estado do Pará não tem moral para impor a retirada das faixas penduradas pela categoria nas grades do prédio, pois, segundo o CNJ, está entre os piores tribunais de justiça do país. Mas a gente não veio atacar o tribunal, e sim dizer não à esta decisão que afronta, que mata os sentimentos de quem luta pela educação pública de qualidade", disse Marinor.
Segundo a parlamentar, o governo Jatene usa o dinheiro público para mentir para a população e atacar a categoria, onde insiste em dizer, em seus aparatos de comunicação, que garante a jornada de 1/3 de hora atividade, bem como o pagamento do piso salarial nacional.
"Quero deixar a minha solidariedade e o testemunho de que a gente não deve temer este governo irresponsável, que utiliza de seus aparatos para mentir à população de que paga o piso salarial nacional à categoria. Também não temeremos a decisão imposta pelo TJE, pois está greve é legal e legítima. Eu mesma, há alguns anos atrás, em cima de um trio elétrico como este, em uma greve da nossa categoria, fui exonerada sumariamente, e o tribunal teve que se render e, por unanimidade, foi obrigado a me reintegrar após uma exoneração injusta. Então, não tenham medo. Vamos à luta, não baixemos a cabeça. Essa categoria é forte, aguerrida e comprometida com uma educação pública e de qualidade. A greve continua e só a categoria tem o direito de decidir quando a greve acaba", completou.
A ex-senadora afirmou também que como fundadora do Sintepp vem lutando junto à categoria para que nenhum trabalhador de educação tenha sua jornada de trabalho e carga-horária reduzidas. Marinor disse ainda que as escolas estaduais precisam ser reformadas imediatamente e que os contratos de obras feitas recentemente nas Escolas Deodoro de Mendonça e Luiz Nunes Direito precisam ser revistos, pois a cada chuva continuam sendo alagadas.
“O governo tucano trata a educação de forma irresponsável. O governador e sua propaganda enganosa dizem que apesar da crise econômica que atinge o país, o Pará está com a economia equilibrada e que os professores possuem o 5º melhor salário do país, além de poder pagar os atrasados e o piso, então que comece a pagar de imediato, pois, os trabalhadores da Educação não vão arredar pé da luta e da defesa da educação pública de qualidade”, finalizou.


About MARINOR BRITO:

Organic Theme is officially developed by Templatezy Team. We published High quality Blogger Templates with Awesome Design for blogspot lovers.The very first Blogger Templates Company where you will find Responsive Design Templates.

0 comentários:

Copyright © 2015 Marinor Brito

Designed by Templatezy & Copy Blogger Themes