quinta-feira, 14 de agosto de 2014

SESSÃO REPUDIA AUMENTO ABUSIVO NA TARIFA DE ENERGIA NO PARÁ

By: MARINOR BRITO: - 14:09

Share

& Comment


Por iniciativa da vereadora Marinor Brito (PSOL) a CMB realizou na manhã desta quinta-feira (14), Sessão Espacial para cobrar explicações da ANEEL e CELPA-Equatorial sobre o aumento abusivo de 35% na tarifa de energia elétrica do Pará.
Cerca de 100 pessoas participaram do evento, que contou com a presença de dirigentes comunitários, estudantes e sindicalistas, além de lideranças políticas, como Marco Carrera, candidato a governador pela Frente de Esquerda - Mudança Pra Valer (PSOL/PSTU), Pedrinho Maia, candidato ao Senado, do ex-Senador, José Nery (PSOL) e do vereador Ronaldo Alves (PSOL-Portel). Alguns vereadores de Belém também participaram, entre eles, Cleber Rabelo (PSTU) e Fernando Carneiro (PSOL).
Em discurso de abertura, a proponente, vereadora Marinor Brito (PSOL), agradeceu a presença de autoridades, empresários do setor, órgãos de defesa do consumidor, parlamentares, sindicalistas, lideranças comunitárias e juventude. Em seguida, a psolista apontou os objetivos e a necessidade social e política de se fazer a discussão.
- Eu quero deixar claro que a necessidade em realizar esta Sessão Especial para discutir este assunto que impactou negativamente o povo paraense, assim como também em dar entrada em conjunto com o deputado Edmilson Rodrigues (PSOL), no Ministério Público Federal (MPF), com uma Representação solicitando que este investigue as razões do aumento e solicitando também que o mesmo seja sustado até que uma nova medida ou avaliação criteriosa seja feita para se evitar que este reajuste abusivo de 35% prevaleça. Também quero aqui repudiar este aumento absurdo e que vai prejudicar a grande maioria do povo paraense, disse Marinor.
A vereadora mais votada de Belém também destacou que a iniciativa de trazer vários segmentos envolvidos para na CMB discutir o aumento abusivo da tarifa de energia não se situa aos dados técnicos e planilhas já exaustivamente apresentados à Aneel para justificar o aumento em favor da Celpa Equatorial.
- Nós estamos aqui para discutir o que esse aumento absurdo vai representar na economia doméstica de cada consumidor de baixa renda e o que isso também vai implicar na vida do povo trabalhador que não pode abrir mão de comprar o alimento para sustento de sua família, de comprar remédios, de pagar pelo transporte coletivo, enfim, de tentar viver com o mínimo de dignidade para ser obrigado a pagar uma tarifa de energia injusta e abusiva, protestou.
Marinor, destacou também o esforço que a sociedade paraense fez em 1998, em particular, sindicalistas, parlamentares com ela ao lado do então prefeito de Belém, Edmilson Rodrigues para evitar a privatização da Celpa.
Sou uma representante do povo e nunca abri mão de lutar em favor deste. Quando o governo do Pará, em parceria com o governo federal, comandado pelo então presidente FHC, resolveu privatizar, em 1998,a Celpa nós formos pra rua e montamos a resistência, mas ainda sim a empresa foi privatizada e de lá para cá, foram mais de 400% de aumento na tarifa de energia, quando a inflação no mesmo período ficou em torno de 180%. Nosso povo padece com aumentos abusivos sistemáticos e a precarização do serviço so aumentou, disse indignada.
Uma proposta apresentada durante a Sessão Especial, de criação de uma Frente Parlamentar pela Redução da Tarifa de Energia, sugerida pelo vereador Fernando Carneiro (PSOL), foi acatada pelos presentes e a vereadora Marinor Brito (PSOL) foi a primeira a integrar a tal frente que vai começar a recolher assinatura de participação de outros parlamentares.
A vereadora Marinor Brito (PSOL), ao final, repudiou a ausência da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) que foi convida para participar e que segundo a psolista, tem obrigação como agência reguladora e deveria ter vindo participar e assim ter prestados os esclarecimentos devidos. Marinor destacou também que vai provocar o MPF para investigar a ocupação de espaço do Procon pela Celpa Equatorial.
- É um absurdo que uma empresa privada, ocupe espaços públicos, quando deveria melhorar suas lojas de atendimentos aos consumidores que todos os dias procuram atendimento de qualidade e não conseguem, finalizou a vereadora.
A sessão foi precedida por um minuto de silêncio, solicitado pela vereadora Marinor Brito (PSOL) em memória do ex-governador de Pernambuco e candidato a presidente da República, Eduardo Campos (PSB) e do candidato a deputado federal Raimundo Abdon (PRP) que faleceram na quarta-feira (13).
A mesa dos trabalhos foi composta pela proponente, vereadora Marinor Brito (PSOL), deputado Edmilson Rodrigues (PSOL), vereador Paulo Queiroz (Presidente da CMB), Roberto Sena (Dieese), Mauro Chaves (Relações Institucionais Celpa Equatorial), Luiz Augusto Lemos (Conselho de Consumidores Celpa Equatorial), Carlindo Pereira (Conselho Nacional de Consumidores de Energia Elétrica), José Fernando Frazão (Gerente Técnico de Energia/Arcon), Ronaldo Cardoso (Sindicato dos Urbanitários do Pará) e Ellen Barbosa (Procon).

About MARINOR BRITO:

Organic Theme is officially developed by Templatezy Team. We published High quality Blogger Templates with Awesome Design for blogspot lovers.The very first Blogger Templates Company where you will find Responsive Design Templates.

0 comentários:

Copyright © 2015 Marinor Brito

Designed by Templatezy & Copy Blogger Themes