sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

PSOL participa de ato em repúdio à violência homofóbica em Belém

By: MARINOR BRITO: - 19:43

Share

& Comment

A presidente do PSOL no Pará, Marinor Brito, participou nesta sexta-feira (03), de ato de repúdio contra a violência homofóbica praticada por policiais civis. O ato foi realizado em frente a delegacia geral de polícia civil, centro de Belém.

Organizado pelas entidades que compõem o movimento de luta pela cidadania LGBT (lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros) e outras entidades que lutam pelos direitos humanos no Pará, o ato serviu para repudiar a violência policial sofrida pelo ativista dos direitos humanos e membro do movimento LGBT no Pará, Beto Paes, ocorrida no último dia 15 de janeiro em um bar frequentado por lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros de Belém.
Beto Paes, ao sair do bar, foi abordado por dois policiais civis que o humilharam e o agrediram física e psicologicamente.
A violência foi denunciada na corregedoria da polícia civil e na ouvidoria de segurança pública do Pará para rigorosa apuração e celeres providências.
Marinor Brito, presidenta do PSOL no Pará, ao usar da palavra prestou total e irrestrita solidariedade a Beto Paes, colocou o PSOL a disposição da luta e foi firme em responsabilizar o governo do Estado pela impunidade que asola os paraenses e também não poupou críticas ao atual modelo de segurança pública implantado pelo governo Simão Jatene (PSDB), que segundo Marinor, não combate a violência, não qualifica os policiais e deixa o povo do Pará entregue a própria sorte.
Acompanhe, abaixo, parte do discurso da presidenta estadual do PSOL/PA.

About MARINOR BRITO:

Organic Theme is officially developed by Templatezy Team. We published High quality Blogger Templates with Awesome Design for blogspot lovers.The very first Blogger Templates Company where you will find Responsive Design Templates.

0 comentários:

Copyright © 2015 Marinor Brito

Designed by Templatezy & Copy Blogger Themes