domingo, 1 de janeiro de 2012

Um supremo nem tão supremo assim

By: MARINOR BRITO: - 21:20

Share

& Comment

'STF é um guardião frágil da Constituição' - "A História das Constituições Brasileiras", um exame da maneira nacional de fazer política, dedica um capítulo ao Supremo Tribunal Federal e seu papel na República. Segundo o autor, Marco Antonio Villa, "[STF] é um guardião muito frágil da constituição."
Um trecho do exemplar publicado na Livraria da Folha:*
"Fiz uma análise sumária das Constituições, destacando seus pontos mais relevantes. Enfatizei as "pegadinhas" autoritárias dos textos constitucionais e como foram usadas para limitar as liberdades. Não é exagero afirmar que os últimos 200 anos da nosaa história têm como ponto central a luta do cidadão contra o Estado arbitrário. E, na maioria das vezes, o Estado ganhou de goleada.Em vários momentos da nossa história vivemos sob regimes ditatoriais. As liberdades democráticas vigoram por períodos muito restritos. Na verdade, só teríamos democracia plena após a promulgação da Constituição de 1988. Portanto, ao falar de uma sociedade democrática, nosso universo temporal, infelizmente, é muito restrito.

Os poderes Executivo e Legislativo estão presentes no livro, mas é o Judiciário o personagem principal. Foi silenciado muitas vezes, é verdade. Contudo, aceitou ser calado. Nunca deu - e o livro fornece exemplos - lições de cidadania, de defesa intransigente do cidadão e das liberdades. Ao contrário, deixou de exercer a sua função primordial, a aplicação da justiça."

Publicado pela editora LeYa, o volume é dividido em sete capítulos que descrevem embates políticos, emendas, revoltas e períodos que o país esteve sob o período da ditadura.

About MARINOR BRITO:

Organic Theme is officially developed by Templatezy Team. We published High quality Blogger Templates with Awesome Design for blogspot lovers.The very first Blogger Templates Company where you will find Responsive Design Templates.

1 comentários:

Ivanildo Cavalcante disse...

Não é muito comum a justiça enquanto instituição, chegar ao ponto que chegou, isto é: a classe média brasileira e grande parte da sociedade não acreditar em um puder que deveria ser isento e se fazer respeitar. Infelizmente se não estamos ainda no fundo do poço, estamos nós aproximando dele. A grande maioria, acredita nesse ou naquele magistrado, como é o caso da Ministra Eliana Calmon e outros, felizmente.

Copyright © 2015 Marinor Brito

Designed by Templatezy & Copy Blogger Themes